Inicio
Amsterdam
Assis
Atenas
Barcelona
Bath
Berlin
Biarritz
Blackpool
Bordeaux
Bratislava
Brighton
Brugge
Bruxelas
Budapeste
Cambridge
Cardiff
Chamonix
Chester
Copenhagen
Dusseldorf
Edinburgh
Estocolmo
Firenze
Frankfurt
Glasgow
Grenoble
Heildelberg
Helsinque
Innsbruck
Inverness
Istambul
Koln
Liechtenstein
Lisboa
Liverpool
Londres
Luxemburgo
Madri
Manchester
Milano
Monaco
Moscou
Munique
Nice
Oslo
Oxford
Paris
Portsmouth

Praga
Reims
Roma
Rouen
Salzburgh
San Malo
Sao Petersburgo
Talin
Toulouse
Varsovia
Veneza
Viena
Winchester
York
Zurich

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

Salzburgo é lembrada de várias formas e por muitas razões. O castelo no alto da montanha e suas antigas e estreitas ruas são alguns de seus pontos característicos. Mas quando se pensa nesta cidade, nenhum outro nome vem à mente mais do que Mozart, pois esta é sua cidade. A música do gênio que encantou a Europa parece ainda hoje continuar impregnando Salzburgo de poesia e romantismo barrocos. Por onde quer que se ande, uma profusão de fontes, igrejas, museus, jardins e monumentos belíssimos fazem da cidade de Mozart um lugar para se ver e apreciar. 

   

O castelo Hohensalzburg, no alto de um morro, domina toda cidade, e é uma visita obrigatória em Salzburgo. Sua construção foi iniciada em 1077 pelo príncipe arcebispo Gebhard, sendo depois muito aumentado durante o século 16. É a maior fortaleza conservada da Europa central e pode-se chegar lá a pé, ou então pegando o trenzinho funicular que sai da Festungsgasse. Seus pontos mais interessantes são os aposentos em estilo gótico, o museu Rainer e o museu Mundo das Marionetes, onde há marionetes de vários países, inclusive do famoso teatro de marionetes de Salzburgo.

 

Um dos passeios mais gostosos em Salzburgo é alugar uma destas charretes e sair pelas ruas da cidade, preferivelmente com uma caixa de chocolates Mozart Kugelns no colo. Visite a igreja de São Michael, na Residenzplatz, mais antiga da cidade, construída no ano 800 e renovada em 1770.

Passe depois pela Residenz, uma construção de 1600, onde moraram os príncipes da cidade, toda decorada com pinturas e afrescos dos séculos 16 a 19, de mestres como Rembrandt e Rubens. E conheça a Catedral da cidade, construída entre 1181 e 1200, em estilo neobarroco, destruída por um incêndio em 1598 e reconstruída em 1614.

Se o passeio de charrete não incluir, vale a penas depois visitar por conta própria as ruas LinzerGasse, na margem direita do rio Salzach, e a Steingasse, duas antigas vias decoradas com belas arcadas.

Para quem ainda não sabe, Mozart nasceu em 27 de janeiro de 1756, e desde cedo demonstrou ser um prodígio na música. Morreu com apenas 35 anos, deixando um imenso e belissimo legado artístico.

 

A lembrança mais gostosa, tradicional e procurada de Salzburgo vem sempre com o rosto de Mozart estampado. Seja na forma de licores, barras de chocolate, bombons, doces e até alguns artigos mais exóticos, eles estão sempre nos lembrando que esta é a cidade de Mozart. Não deixe passar a oportunidade de experimentar os chocoloates locais. Nossa sugestão são os deliciosos bombons conhecidos como Mozart Kugeln, mostrados na foto ao lado. Estes bombons na forma de esferas são oferecidos em todo lugar por aqui, seja em caixas, latas, pacotes e até individualmente, mas tem um problema: É impossível se satisfazer com somente um. Os moradores de Salzburgo, de brincadeira, apelidaram estas esferas de chocolate, de bolas de Mozart..

 

Não deixe de visitar o museu da catedral, com tesouros da idade média ao século 19. Outro local muito interessante é o Museu de Salzburgo de Arte e História, situado na Museumsplatz, onde estão objetos contando a história desta cidade.

E claro que ninguém pode vir a Salzburgo sem visitar o prédio onde nasceu Mozart, que fica na rua Getraidegasse 9. O prédio continua perfeitamente conservado, e lá estão móveis da família, violas, violinos, pianola e outros instrumentos utilizados por Mozart em sua infância, além de centenas de turistas quase sempre formando fila para entrar. Ao lado, imagem do prédio, com a inscrição Mozart Geburtshaus (casa do nascimento de Mozart) em sua fachada sempre pintada de amarelo.

Outro ponto muito lembrado na cidade é o Convento Nonnberg, na rua Nonnberggasse 2, lar das freiras Beneditinas, fundado em 1700 por S. Rupert. Lá, é possível visitar sua bela basílica e cripta, ver os afrescos do ano 1150 e conhecer a capela de São João. Depois caminhe até o Stieglkeller, bem aos pés do castelo, de onde se tem uma das melhores vistas da cidade.

 

Na rua Griesgasse 23 situa-se o museu de roupas típicas de Salzburgo, onde se pode apreciar vestimentas típicas de várias épocas. Uma caminhada ao longo das margens do rio Salzach é uma boa idéia para quem procura por belos visuais e pontos privilegiados para boas fotografias. Atravesse a ponte de pedestres que se vê ao fundo e vá explorar também o outro lado da cidade. Embora menos procurado é também muito bonito.

 

A Gegraidegasse, mostrada na foto ao lado, é a mais famosa rua da cidade, e um daqueles pontos que não se pode deixar de percorrer. Quase como um shopping ao ar livre, sua principal característica são os ornamentos de metal, verdadeiros trabalhos artísticos dourados, pendendo sobre as fachadas, e que indicam o tipo de atividade desempenhada em cada estabelecimento. Nas sapatarias há um ornamento na forma de calçado, nos chaveiros uma chave pendurada, e assim por diante. Hoje em dia isto é uma das mais interessantes curiosidades desta rua medieval, mas antigamente, quando pouquíssimas pessoas sabiam ler, os sinais tinham uma utilidade prática, pois serviam para indicar ao povo o tipo de serviço que cada estabelecimento comercial desempenhava.

 

O parque mais bonito da cidade é conhecido como Mirabell. Foi construído em 1606 pelo príncipe Wolf Dietrich, e reconstruído após o incêndio da cidade, ocorrido em 1818. Fica no sopé da montanha onde está o castelo Hohensalzburg e no local há estátuas, escadarias, muitas flores, e geralmente é o local escolhido para concertos públicos e casamentos de luxo. É um dos melhores locais da cidade para caminhadas. Depois vá até o Palácio Hellbrunn, construído nos anos 1600 pelo príncipe Markus Sittikus. Veja seus jardins em estilo barroco, fontes e os salões de seus teatros históricos. Num deles, em 1617, foi apresentada a primeira ópera cantada em língua alemã, um evento memorável e audacioso, para a época. 

 

Visite também a Altes Rathaus (o antigo prédio da prefeitura), construído em 1407 e aprecie seu imponente portal de mármore, a estátua da Deusa da Justiça e o interessante relógio lunar. Depois vá até a Dreifaltigkeitsgasse, belíssima igreja construída entre 1694 e 1702, repleta de esculturas e outras obras de arte.

Um programa mais singelo e original é visitar o teatro de marionetes, na rua Schwarzstrasse 24. Há apresentações diárias, com fundo musical e tudo, desta que é uma das mais tradicionais e bonitas formas de arte da Áustria. Ao lado, mais uma imagem da Gegraidegasse, frente à prestigiada Parfumerie Douglas.

Salzburgo também é muito lembrada por ter sido o set de filmagens de um dos mais famosos musicais de todos os tempos, A Noviça Rebelde (The Sound of Music). A história relata as aventuras de uma jovem que desiste do convento ao se apaixonar por um aristocrata de Salzburgo e passa maus momentos até ser aceita pelos sete filhos do barão Von Trapp. A família Von Trapp existiu de fato, fugiu de Salzburgo quando a Áustria foi ocupada pelos nazistas e radicou-se nos Estados Unidos. Até hoje diversas locações do filme continuam atraindo curiosos e cinemaníacos a Salzburgo, inclusive a mansão Von Trapp, agora transformada em hotel de luxo.

 

Quando chegar no final do dia pegue o elevador Mönchsberg, e vá até o Café Winkler, para fazer uma refeição e apreciar toda a beleza da cidade de Mozart ao cair da noite. Ou então passe no Augustiner Bräu, na rua Augustinergasse 4 para experimentar uma típica cerveja de Salzburgo, servida diretamente de barris de madeira em canecas enormes, exatamente como já faziam os monges Augustinos, em 1621. O salão é bonito, o ambiente descontraído e a cerveja ótima, fazendo deste o local ideal para fechar um dia perfeito, de muitas caminhadas e descobertas pelas ruas estreitas da bela cidade de Mozart.

 

 

A música desta página é Divertimento em Lá, de Wolfgang Amadeus Mozart. Para interromper a execução clique em X (parar).

 


Mozart criança